Crise

Capa do album “Crisis, what Crisis?” da banda inglesa Supertramp.

Uma crise que serve como um “tapa de luva” nos que acreditam fielmente na perfeição do livre mercado e no capitalismo selvagem.

E nada melhor que os EUA, modelo do capitalismo, para mostrar o velho discurso do “faça oque eu digo não faça oque eu faço”, afinal os conservadores, neste casos os republicanos de Bush defendem este modelo desde os tempos de Reagan.

Não que o estado tenha que controlar tudo, como sonham os marxistas de plantão que tiveram a sua crise final com a quebra da URSS, mas serve de alerta.

E mais um ponto pra Lula, pois até agora a crise não desembarcou no Brasil, e espero que fique bem longe.

Algumas analises interessantes:
Crise financeira está apenas começando, diz Nobel de economia
Futuro do capitalismo diante de crise divide analistas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *