Moradores do Canto da Lagoa protestam contra a interrupção das obras no posto de saúde do bairro (22/06)

13533364_646625138830961_511622946791010105_n

Replicado de Ocupa Lagoa

Moradores do Canto da Lagoa, no Leste da Ilha, em Florianópolis, protestaram na tarde desta quarta-feira (22) contra a interrupção das obras no posto de saúde do bairro. Cerca de 150 pessoas participaram, segundo a organização, e houve bloqueios no trânsito.

O protesto começou às 15h30 na Rua Laurindo Januário da Silveira, onde fica o posto. Conforme a organização, o trânsito era bloqueado nos dois sentidos por alguns minutos apenas, “para não ficar muito caótico”, disse o morador Alexandre Vieira, que participou do protesto.

“A reforma do nosso posto de saúde teve início em 25 de junho de 2015. O término seria em 25 de novembro de 2015. Hoje é dia 22 de junho, sete meses depois, e a obra continua inacabada. Parou em fevereiro”, afirmou Alexandre Vieira.

De acordo com a organização, o posto já foi saqueado e foram vistos usuários de drogas no local. Este é o segundo protesto dos moradores do Canto da Lagoa em relação ao posto de saúde. O primeiro ocorreu na tarde de sexta (17).

A Polícia Militar não tinha informações sobre o protesto até a publicação desta notícia.

O Site entrou em contato com a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde, que informou que a obra está entre as que tiveram contratos suspensos pelo período de 120 dias, em razão de um contingenciamento. A secretaria afirmou que os moradores são orientados a procurar atendimento no posto de saúde da Lagoa.”

Fonte: Jornal Floripa
Foto: Alexandre Vieira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *